• Designação:Opo’Arch Formal Methods

  • Código do projecto:NORTE-01-0246-FEDER-000013

  • Objetivos Principais:Reforçar a investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação

  • Região de intervenção:Norte

  • Entidade Beneficiária:Cooperativa de Ensino Superior Artístico do Porto, CRL

  • Data da aprovação:22/07/2016

  • Data de início do projecto:01/11/2016

  • Data de conclusão:10/10/2018

  • Custo total elegível:561600,0 €

  • Apoio financeiro da União Europeia | FEDER:477360.00 €

  • Portugal 2020
  • Norte 2020
  • União Europeia

Objectivos e actividades do projecto

O 'Grupo de Métodos Formais em Arquitectura' do LIA – Laboratório de Investigação em Arquitectura da ESAP tem-se dedicado nos últimos anos a trabalhos de I&D na área cujo nome do Grupo indica – os métodos formais, ou seja, os que implicam a utilização de métodos provenientes das ciências matemáticas na Arquitectura.

Especialmente relevante da produção do Grupo é uma aplicação informática de sintaxes espaciais em 3D, ou seja, que permite a análise espacial de espaços tridimensionais. O programa tem a designação de DepthSpace3D.

As sintaxes espaciais são um conjunto de metodologias em uso na arquitectura desde há mais de 30 anos, e como exigem uma grande quantidade de cálculo, necessitam de ser tratados por instrumentos de TIC. Até ao momento só estavam disponíveis análises 2D, desenvolvidas essencialmente na escola original – a University College London.

A disponibilização de ferramentas informáticas 3D abre novas perspectivas ao avanço destas tecnologias, e corresponde a uma necessidade de evolução científica e tecnológica destas metodologias. Os novos campos de aplicação podem ser muito importantes.

A CESAP pretende agora realizar a disseminação dos resultados da sua I&D à sociedade em geral e particularmente ao tecido empresarial regional. Trata-se do projecto designado OPO’ArchFormalMethods.

O objectivo do projecto não é somente fazer uma passagem ‘educativa’ dos resultados académicos da investigação, através das usuais conferências, artigos e livros. Mas os objectivos são também:
- o auxiliar na criação de um cluster de instituições e empresas regionais com interesses na utilização desse produto, que propicie novas oportunidades de negócio.
- a criação pós-projecto de uma Spin-off que assegure estas funções de coordenação de desenvolvimento da aplicação comercial
- libertando a escola para funções de I&D mais fundamentais, continuando a desenvolver os aspectos científicos mais avançados, e mantendo-se responsável pela versão académica do software.


http://opoarch.com/